Header Ads

Resultado de Fla-Flu é suspenso pelo STJD após Fluminense pedir anulação

Presidente do tribunal garante decisão até a primeira quinzena de novembro

Flamengo venceu após decisão polêmica da arbitragem | Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação CP
O resultado do clássico entre Fluminense e Flamengo está suspenso preventivamente. O Tricolor carioca entrou com o pedido de anulação do jogo no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) nesta segunda-feira, alegando que houve interferência externa na arbitragem de Sandro Meira Ricci no lance que anulou o gol de Henrique. O presidente do tribunal, Ronaldo Piacenti, confirmou que até o julgamento, o placar de 2 a 1 para o rubro-negro não pode ser contabilizado na tabela do Campeonato Brasileiro.

"Terá um asterisco (na tabela). Na verdade, o resultado não foi homologado e aguarda a decisão do pleno do STJD", explicou o presidente do STJD, Ronaldo Piacenti, em entrevista à Rádio CBN. Com o resultado, o Flamengo passa a ter 57 pontos.

Piacenti explicou que a decisão do tribunal deve acontecer o mais rápido possível e que tudo deve ser solucionado até a primeira quinzena de novembro. "Já determinei a intimação do Flamengo para se manifestar em até dois dias. Depois, vou intimar a Procuradoria para se manifestar em dois dias e vão ser ouvidas as testemunhas. Já será colocada na próxima pauta e vai ser o mais rápido possível. Acredito que seja na primeira quinzena de novembro", projetou.

Responsável por definir se o resultado da partida será valido ou não, Piacenti preferiu não opinar o que pensa sobre o assunto. "Não posso opiniar, pois vou julgar o processo. O que posso adiantar é que é prematuro falar, pois temos prova de vídeo e uma questão de leitura labial feita por uma emissora e isso vai nos autos. O que precisa é analisar se houve interferência na partida. Quando ele muda de opinião e volta ao que era decidido antes, precisamos saber o motivo dessa mudança. Temos que aguardar. Vamos ouvir o árbitro, o assistente, o delegado da partida e os inspetor da partida".

Através de seu site oficial, o Fluminense explicou o motivo de pedir a anulação da partida. "O Fluminense Football Club vem a público confirmar que depois de analisados todos os vídeos, notícias e evidências no lance do gol anulado do zagueiro Henrique, no Fla-Flu, do último dia 13, em Volta Redonda, entende que ficou comprovada a interferência externa. Em razão desse fato, tomou as medidas cabíveis para que o caso seja analisado pelo STJD", informou o clube, em nota.

A decisão acontece dias depois de o presidente do Flu, Peter Siemsen, mostrar hesitação no pedido de anulação da partida. Irritado após a partida, o dirigente prometeu acionar o quanto antes a CBF. No dia seguinte, porém, ele amenizou o tom, disse que havia feito declarações no calor do jogo e afirmou que iria pensar melhor no assunto.

A polêmica no Fla-Flu teve início aos 39 minutos do segundo tempo. O árbitro marcou impedimento no gol do zagueiro Henrique no primeiro momento - o gol decretaria o empate de 2 a 2 na partida. Depois da marcação, ele recuou e validou o gol. E, por fim, anulou novamente. A discussão do lance causou longos 13 minutos de paralisação até a decisão final, irritando jogadores e diretoria do Fluminense.

O resultado ganhou repercussão não apenas por se tratar de um clássico. Com o triunfo, o Flamengo reduzira a vantagem para o líder Palmeiras, que havia empatado com o Cruzeiro na mesma rodada. A diferença caíra para apenas um ponto - mas voltou a aumentar para quatro ao fim da rodada do fim de semana. Com a decisão do STJD, a diferença subiu para sete pontos. (Globo Esporte)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.