Header Ads

Caso bebê: Veja momento que pais acusados deixam a Delegacia de Itamaraju rumo a Teixeira de Freitas

A prisão aconteceu na tarde desta quarta-feira, dia 9 de novembro, em Itamaraju, onde moram Jorge Mendes Carneiro Junior, de 41 anos e Erisângela Santos Silva, 38, pais do pequeno Pedro Silva Carneiro, de apenas 9 meses de idade, que morreu na tarde de sábado do último dia 29 de outubro, após supostamente cair do banco traseiro de uma caminhonete Toyota  Hilux, numa estrada vicinal que liga o Prado à Praia da Paixão, no litoral norte do município.
A prisão temporária decretada pelo juiz Leonardo Coelho, titular da comarca do Prado, foi solicitada pelo delegado Júlio César Telles, que em entrevista ao Teixeira News, disse estar convencido que a morte do bebê não acontecera por causa de algum acidente e sim, em virtude de uma ação criminosa. “A versão apresentada pelo casal, além da dinâmica do caso, apontam para um acontecimento criminoso”, disse Telles, acrescentando que o pai teria arremessado a criança contra a mãe durante uma briga.
Logo após a prisão em Itamaraju os acusados acabaram transferidos para a sede da 8ª Coorpin de Teixeira de Freitas, onde serão novamente ouvidos. “Foi criada uma mentira e agora eles [pai e mãe] poderão falar o que realmente aconteceu”, afirmou. 
(Por Ronildo Brito / Vídeo: Lênio Cidreira)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.