Header Ads

Mãe chora e desabafa após adolescente ser preso com drogas em Itamaraju

 
Teixeira de Freitas: Na tarde deste domingo, 11 de dezembro, foi apresentado por policiais militares da 43ª CIPM de Itamaraju, na sede do Plantão Regional em Teixeira de Freitas, um adolescente que foi abordado e apreendido portando buchas de "maconha" e pedras de "crack", todas embaladas e prontas para a comercialização em Itamaraju. O adolescente de apenas 14 anos foi encontrado com 05 buchas de "maconha" e mais de 11 pedras de "crack", além de 01 celular BLU.

O menor, que reside no Bairro de Fátima, em Itamaraju, foi denunciado, e relatos diziam que o mesmo era responsável pela vendas das substâncias. O caso foi registrado e apresentado ao delegado Bruno Ferrari, que responde pelo Plantão Regional e também pelo Plantão Territorial. Em entrevista à nossa reportagem, o adolescente não quis falar sobre o caso, mas, em um relato emocionado, a mãe do adolescente falou sobre a prisão do filho.

"Eu estou destruída, você, Rafael não sabe o que é pra uma mãe vê o filho preso por isso". Ainda durante entrevista à mãe disse que sempre ensinou seu filho a trabalhar, e que sempre batalhou e lutou para dar uma vida melhor para a família. "Fiz e faço de tudo para dar uma vida melhor para os meus filhos. Ele não precisa disso", continuou a mãe com lágrimas no rosto. O delegado ouviu os militares e, logo após, ouviu o adolescente na presença da mãe.

Segundo o delegado, como o crime não teve emprego de violência e nem o adolescente é reincidente, após ser ouvido, ele foi entregue à mãe, e em desfavor dele, foi lavrado um ato infracional. O caso, infelizmente mostra a triste rotina de mães de toda região, que sofrem com o crescimento da entrada de adolescente para o mundo do crime. Após ouvir o triste relato da mãe, que vai ao ar nas rádios Sucesso FM e Lajedão FM, perguntamos ao adolescente se não se arrependia em ver a mãe passando por aquilo, mas, o mesmo em tom alterado, disse que não queria falar sobre isso. As drogas serão encaminhadas ao Departamento de Polícia Técnica para perícia. (Por: Rafael Vedra)


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.