Header Ads

Dois mortos em confronto e dois acusados de homicídios presos na Operação Picadeiro

Teixeira de Freitas: Na manhã desta quinta-feira, 20 de abril, a 8ª COORPIN, o Núcleo de Homicídio e Tráfico com apoio da Polícia Militar deflagrou a Operação Picadeiro, que tinha como alvo os acusados de vulgo "Patati" e "Pitoco", vulgos que deram o nome da operação, pois, os são nomes de palhaços. Na operação, as equipes se deslocaram até o Bairro Jardim Planalto, onde os alvos estavam escondidos. Os mandados que seriam cumpridos eram em desfavor dos acusados Pedro Henrique Teixeira Cruz, 19 anos de idade, vulgo Pitoco e Ezequiel Alves de Alcântara, vulgo Patati e Marcelo Teixeira da Silva, 24 anos de idade.
Houve o cerco em uma residência, onde estava um dos alvos. A equipe encontrou no imóvel e prendeu Pedro Henrique Teixeira Cruz, o “Pitoco”. As equipes continuaram a diligência em busca de Ezequiel, mas, o mesmo conseguiu evadir-se do cerco. Outro alvo preso foi o Marcelo Teixeira da Silva, que também possuía um mandado de prisão em seu desfavor, ambos os mandados por crimes de homicídios. Com Pedro Henrique, o “Pitoco”, foi encontrado um aparelho celular Samsung, onde segundo a Polícia, possuía conversas do alvo com um interno do Conjunto Penal, onde o mesmo pedia ao presidiário um "bonde", ou seja, dinheiro para poder sair da cidade.
Então, o mesmo disse que "os seus meninos" iriam levar o dinheiro. Foi montada uma campanha no local, onde iria acontecer o encontro e entrega do dinheiro. Minutos depois, 02 indivíduos a bordo de uma motocicleta Honda/XRE 300, de cor preta e azul, placa policial FSP 4815 licenciada em Guarulhos/SP, se aproximaram. A motocicleta é a mesma que vinha sendo monitorada pela Polícia por ser usada em diversos homicídios na cidade de Teixeira de Freitas. Então, ao notar que se tratava de um cerco policial, a dupla empreendeu fuga, dando início a uma longa perseguição que cruzou a BR 101.
Ao chegar no Bairro João Mendonça, o piloto da moto sacou uma arma e apontou em direção da guarnição, e os polícias não aguardaram ser alvejados e atiraram em direção dos acusados que foram alvejados e caíram na Rua José Chicon. Ainda com vida, os dois suspeitos foram rapidamente socorridos ao Hospital Municipal de Teixeira de Freitas, mas, não resistiram e morreram. Com os acusados estava 01 revólver calibre 32 municiado com 02 cartuchos intactos e 02 deflagrados. A dupla que tombou foi identificada como sendo Sisenande Cruz Almeida, 22 anos de idade e Vinicíus Laranjeiras da Cruz, 15 anos de idade.
A motocicleta foi apreendida e, juntamente com a arma, conduzida à sede da 8ª COORPIN, onde o caso foi registrado e os procedimentos ficaram a cargo da Coordenadora Valéria Chaves. Nossa equipe acompanhou o caso e esteve na Delegacia, onde tentamos entrevistar Marcelo e Pedro Henrique, mas, a dupla não quis gravar entrevista. Segundo informações da Polícia, a motocicleta foi usada em 09 homicídios que tiveram com vítimas fatais Jean; Bruno; Clerisvan; Guilherme; Neilton e Nélio, os dois de vulgo “Gago”; Anderson; Uagdon e Alef, além de ter sido utilizada na tentativa que vitimou o “Leozinho”.
Os corpos dos suspeitos mortos na ação policial serão removidos para o IML de Teixeira de Freitas, onde serão submetidos à necropsia, ainda nesta quinta-feira. Segundo o delegado Manoel Andreetta, infelizmente houve dois óbitos, após um dos acusados na motocicleta apontar a arma para a guarnição. Mas, a Operação obteve êxito em apreender arma e uma moto usada no crime. Ainda segundo o delegado, 09 homicídios ou até mais poderão ser elucidados com a prisão dos dois acusados e oitiva de novas testemunhas. A Polícia segue em diligência em busca de Ezequiel, o “Patati”. (Por: Rafael Vedra)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.