Header Ads

Moto usada por suspeitos mortos foi utilizada em 9 homicídios, diz Polícia

Foto: Sulbahianews
A policia divulgou nesta tarde que a moto uma XRE 300, preta e azul, com placa FSP 4815 licenciada em Guarulhos - São Paulo era monitorada pelo Serviço de Inteligência. A moto teria sido usada em diversos homicídios praticados aqui em na cidade.

Na manhã de hoje dia 20/04, a moto era conduzida por Sisenande Cruz Almeida, 22 anos, que trazia na garupa o adolescente de 15 anos Vinicius Laranjeira da Cruz. Os jovens perceberam o cerco montado por agentes da Polícia Civil no Bairro Jardim Planalto.

Os jovens chegaram a entrar no bairro Joao Mendonça, momento em que ainda em fuga um deles sacou a arma, foi ai que os policiais atiraram.

Vinicius e Sisenande foram socorridos com vida pelos policiais e levados para o hospital, mas não resistiram os ferimentos e foram a óbito.

O cerco policial era desdobramento da Operação Picadeiro, montada para cumprir mandamentos de prisão por crimes de homicídios contra, Pedro Henrique Teixeira Cruz, de 19 anos, o “Pitoco” e Ezequiel Alves de Alcântara, vulgo “Patati” e Marcelo Teixeira da Silva, 24 anos.

Em uma casa no Jardim Planalto, os agentes conseguiram prender Marcelo e Pitoco. Patati conseguiu escapar. Durante a abordagem a Policia apreendeu com Pitoco, um celular que continha mensagens onde ele solicitava a um presidiário, certa quantia em dinheiro para poder fugir da cidade.

O presidiário confirmou que seus funcionários levariam o dinheiro até o alvo da operação, os agentes montaram campana até que Sisenande e Vinicius chegaram ao local. Ao chegarem perceberam a movimentação, fugiram e acabaram sendo baleados quando um deles sacou a arma para atirar contra os policiais.

Com os jovens foi encontrado um revolver calibre 32 municiado com dois cartuchos intactos e dois deflagrados.

De acordo com a polícia, a moto usada na fuga foi utilizada também na prática de 9 assassinatos.

Os materiais apreendidos e os detidos foram apresentados na sede da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior. (
Neuza Brizola)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.