Header Ads

De Itamaraju: Acusado de roubar mercado é preso com arma após averiguação de desmanche de moto

Na tarde desta quarta-feira, dia 4 de maio, a central de comunicação da 87ª Companhia Independente da Polícia Militar de Teixeira de Freitas (CIPM), recebeu uma denúncia anônima, informando que uma motocicleta Honda/CG 150 Fan, de cor vermelha, placa policial PJD-2037, estaria sendo desmontada dentro de uma residência, localizada na Rua Monte Alto, no Bairro Liberdade II. Então, a guarnição do PETO/ROTAM se deslocou até o local denunciado e, após cerco, realizou buscas.

No local, a motocicleta não foi encontrada, e os militares encontraram e abordaram um indivíduo identificado como Rafael Xavier dos Santos, de 22 anos de idade, natural de Itamaraju. Questionado sobre a moto, Rafael se mostrou nervoso, principalmente após os militares encontrarem diversas ferramentas de mecânica para motocicletas. Foram realizadas buscas pelo imóvel e os polícias encontraram 01 revólver Trade Mark, com número de série E 333060, calibre 38 Special, municiado com 01 cartucho, que estava picotado.
Além da arma, os militares encontraram três aparelhos celulares e diversos documentos queimados, e durante análise, descobriram que se tratavam de documentos que foram levados juntamente com uma certa quantia em dinheiro de um mercado que foi assaltado na última terça-feira (02). Os militares em posse das imagens das câmeras de segurança, confirmaram a suspeita, após acharem um casaco verde, sendo o mesmo que aparece no vídeo do crime.

Durante questionamentos ao acusado os militares receberam outra denúncia de que a motocicleta estaria na residência do primo dele, que reside na Rua Chile, no Bairro Liberdade I. A guarnição se deslocou até o local, mas o suspeito não foi encontrado. Rafael recebeu voz de prisão e foi conduzido à sede da 8ª COORPIN, onde o caso foi registrado e apresentado ao delegado Júlio César Telles, de plantão na unidade.

O delegado ouviu os militares e, já na noite desta quinta-feira, dia 4, ouviu o acusado na presença do seu advogado de defesa. Com base nos depoimentos colhidos e nas provas apresentadas, Rafael foi flagranteado por posse ilegal de arma de fogo e irá ser alvo de investigações acerca do roubo do mercado. Como a arma possui numeração, o crime passa a ser afiançável, e a fiança foi arbitrada. Ao ser paga, o acusado irá responder pelo crime em liberdade.

Os celulares e os documentos queimados foram encaminhados para perícia. 
(Da redação TN)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.