Header Ads

MP recomenda nomeação de garis concursados em Itamaraju

Na última sexta-feira (02), o prefeito de Itamaraju Marcelo Angênica esteve em audiência com o promotor Tassizio Robsley França titular da primeira promotoria de justiça do município e acatou recomendação para contratação de 160 garis que prestaram concurso público, mas que até o momento não foram chamados pela prefeitura.

Além do prefeito, também compareceram ao encontro na sede do Ministério Público os secretários de Obras Antônio Charbel e o assessor Jurídico do município, Augusto César Hygino. Apesar de acatar a recomendação do MP, o prefeito ponderou que necessitava de prazo para chamar os concursados. Este prazo segundo ele, seria para adoção dos procedimentos administrativos como exames admissionais, recebimento e conferência de documentos e orientação aos convocados sobre os procedimentos para posse no cargo.

Diante dessa necessidade, a promotoria determinou um calendário para as nomeações. Segundo ata da reunião, até o dia 20 de junho serão convocados 80 garis. Ao passo que serão nomeados outros 80 garis até 17 de julho de 2017.

O promotor recomendou ainda que após a referidas nomeações sejam feitos balanços dos quantitativos de aprovados que tomaram posse e do quantitativo de eventuais vagas remanescentes providenciando no prazo de 10 dias as nomeações dos candidatos excedentes para as eventuais vagas remanescentes.

De acordo com essa medida os atuais garis contratados pela atual gestão deverão ser exonerados a fim de abrir vaga para os concursados. Sem prever o que estava por vir recentemente o atual gestor realizou uma festa comemorativa ao dia do gari onde reuniu vários profissionais da área em uma casa de shows. O evento foi bastante criticado nas redes sociais por gerar o entendimento que o prefeito Marcelo Angênica estaria transformando a prefeitura em cabide de emprego. (Por Redação)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.