Header Ads

Indivíduos armados invadem sítio no Prado e trocam tiros com a PM: Um foge e dois são presos

Prado: Policias Militares do PETO da 88ª CIPM receberam informações de que havia alguns suspeitos armados em uma propriedade rural no município do Prado, próximo ao distrito de Cumuruxatiba. E que os referidos acusados teriam invadido e expulsado o caseiro da referida propriedade, sob ameaça de morte.

A invasão aconteceu na última segunda-feira (04), quando os acusados colocaram para fora o caseiro do sítio "Estância Santa Clara", que fica localizado na estrada do Rio do Peixe, próximo ao distrito de Cumuruxatiba, no município do Prado. Segundo os policiais militares, após receberem a denúncia, eles foram fazer averiguação, e ao chegarem à referida propriedade, eles foram recebidos à bala pelos criminosos, e que mediante a tal atitude, eles revidaram, no intuito de conter os suspeitos.
Após alguns disparos, eles perceberam que um dos indivíduos, correu para os fundos, e apreendeu fuga para uma mata, não havendo como persegui-lo. Os militares declararam ainda que o acusado fugiu portanto a referida arma de fogo, a qual foi usada contra a guarnição. Foram apresentados na sede da 8ª COORPIN, os outros dois acusados pela invasão da propriedade, com outras duas armas de fogo, sendo um rifle calibre 22, e uma espingarda caseira de calibre 12, um cartucho intacto tipo 12, e mais três cartuchos de calibre 38 deflagados.

Os acusados apresentados foram identificados como sendo, Anderson Chaves da Cruz e José Pereira dos Santos, que se denominaram índios, e que estavam sobre orientações e determinação do Cacique "Tonho". O delegado plantonista, Maderson Souza, flagranteou os dois por posse ilegal de arma de fogo, e arbitrou fiança. Os dois foram recolhidos para carceragem da 8ª COORPIN, e após pagamento da fiança poderão responder em liberdade.
(Por: Cloves Neto)

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.