Header Ads

Passeio no Parque do Descobrimento no feriado da República foi um sucesso

Prado: Há três anos consecutivos ciclistas e trilheiros da região participam do Passeio da República, no Parque Nacional do Descobrimento, às margens da Ba-489, município de Prado. Nesta quarta-feira (15), o evento atraiu também participantes de Itamaraju e outras localidades da região.

Promovido pelo Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), com suporte da Secretaria Municipal de Turismo do Prado, Polícia Militar e a associação que representa os hoteleiros e barraqueiros pradenses – Aprhope –, o evento proporcionou aos participantes diversos atrativos.
Duas trilhas foram percorridas por ciclistas e uma por pedestres, como o casal mineiro Antônio e Luzia Vilas Boas, que insistiu em completar a pé os 12 quilômetros como parte da jornada. “Vou estar presente também no próximo ano, porque essa atividade nos proporciona boa saúde”, avisou dona Luzia, dizendo não se importar com a chuva observada ao longo de toda a caminhada.

“As trilhas mais curtas são completadas em até duas horas”, informou Anselmo Gonçalves, administrador do Parque, que fez um relato sobre “as belezas” da reserva. Uma dessas pistas foi batizada de “Trilha Cartão Postal”, devido à sua beleza natural, que proporciona aos visitantes um novo ângulo de observação do famoso “Dedo de Deus”, no meio da floresta.
Do alto do observatório da lagoa “Só não vou”, tem-se uma vista deslumbrante do próprio manancial e da floresta ao seu redor. “É uma maravilha desenhada pela natureza”, comentou Ninha Garcia, diretora do GADS (Grupo de Apoio ao Desenvolvimento Social), que se fez presente ao evento. A torre de vigilância do parque e a histórica juerana, uma das árvores mais influentes da reserva, também foram visitadas.

De acordo com o ICMBio, mantido pelo Ministério do Meio Ambiente e responsável pela gestão do Parque Nacional do Descobrimento, a reserva dispõe da maior rede de trilhas do Brasil, somando 130 quilômetros.
“O parque está à disposição visitação, desde que seja mantida a sua conservação”, observou Anselmo Gonçalves. Aos turistas, o instituto garante suporte como transporte aos locais de visita e guias, que são os brigadistas da instituição.

PHOTO JORNALISMO / Com informações de Domingos Oliveira

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.