Header Ads

“Shurek” acusado de tráfico e homicídio morre em confronto com a CAEMA em Itanhém

Itanhém: No início desta manhã de domingo (26), uma operação da CAEMA acabou em tiroteio nas Casas Populares do Bairro Monte Santo. Na ação, um acusado de tráfico acabou tombando em confronto com os militares. Trata-se de Ziélio Santos Santiago, vulgo “Shurek”; 20 anos de idade. Segundo a polícia, o “Shurek” vinha comercializando drogas e tocando terror no referido bairro.

Ao atender a um a denúncia anônima, na referida residência, os militares foram recebidos a tiros, e revidaram a injusta agressão. O Shurek foi atingido e socorrido pelos militares ao hospital, onde não resistiu e veio a óbito. O revólver calibre 38 e as munições do acusado foram apresentadas na Delegacia de Polícia Civil, onde foi registrado o auto de resistência com resultado morte.

O corpo do Ziélio foi removido ao IML de Teixeira de Freitas, onde passará por exames de praxe. O “Shurek” era suspeito pelo homicídio de Adilson de Souza. O Adilson foi acusado pelo grupo do “Shurek” por ter denunciado o traficante Dione Oliveira Matos. Após a prisão do Dione, o Adison foi assassinado dentro de casa. Segundo informações, o Adilson era uma pessoa de bem, e morreu por supostamente ter denunciado o tráfico.

Na ação contra o Adilson, o Shurek não agiu sozinho. Ele sempre andava em companhia de pelo menos outros dois criminosos, que estão sendo investigados pela Polícia.

PHOTO JORNALISMO / Com informações de Edvaldo Alves

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.