Header Ads

"Dilson " descumpre medida protetiva e agride ex-mulher

Policiais precisaram pular muro para socorrer mulher; filhos presenciaram



Acusado está detido na delegacia de Belmonte, após descumprir medida protetiva e agredir ex-mulher

BELMONTE - A dona de casa Fabiana Santos Silva, de 33 anos, foi violentamente agredida pelo ex-marido, no fim da noite de terça-feira (19), no bairro Ponta de Areia, na cidade de Belmonte. Segundo a polícia, a agressão foi presenciada pelos dois filhos do casal, de quatro e sete anos.

O pedreiro Dilson Mazeli, 32, que acabou preso em flagrante, invadiu a casa onde Fabiana mora com as crianças e passou a agredi-la com socos, cotoveladas e pontapés. Os vizinhos acionaram a policia. “Quando chegamos ao local, tivemos que pular o muro porque ele havia trancado o portão”, informou um policial ao RADAR 64.

Fabiana foi socorrida por policiais militares e levada ao hospital municipal. Não há informações sobre o seu estado de saúde. As crianças foram entregues a familiares da dona de casa.

Caso foi registrado na delegacia de Belmonte

A polícia informou que não conseguiu descobrir como o agressor entrou na residência, pois a mulher ficou tão machucada que não teve condições de prestar declarações.

SEM DIREITO A FIANÇA - Há três meses, desde que rompeu um relacionamento de 11 anos, Fabiana passou a ser ameaçada e agredida pelo ex-marido. Ela chegou a denunciá-lo e, desde então, a justiça lhe concedeu uma medida protetiva, como prevê a Lei Maria da Penha. O acusado estava proibido de se aproximar da vítima.

"Como ele foi preso em flagrante, descumprindo uma medida protetiva, não terá direito a pagamento de fiança, como prevê uma recente mudança na Lei Maria da Penha. O acusado pode ficar preso de três meses a dois anos", afirmou o delegado Wendel Ferreira ao RADAR 64.

Photo Jornalismo/Com informações do Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.