Header Ads

"Jackão" é acusado de matar o teixeirense “Suave na Nave” o preso foi em ação da PM e Civil de Medeiros Neto

Medeiros Neto: Jakson Silva Santos, vulgo "Jackão", 28 anos de idade, foi preso em operação conjunta da Polícia Militar e Civil de Medeiros Neto, logo após ele ter assassinado a golpes de faca e pauladas, o teixeirense que estava desaparecido, Anderson Santos Cruz, vulgo “Suave na Nave”, 30 anos de idade, crime ocorrido na noite da última sexta-feira (22), no distrito de Nova Lídice.

Desde o dia do crime, equipes da Polícia Militar e Civil vinham realizando diligências e investigações no sentido de prender o autor do crime. E em uma ação rápida, a polícia conseguiu prender, ainda em flagrante, o acusado do bárbaro homicídio. A prisão se deu na tarde deste domingo (24), após a polícia receber informações dando conta de que o assassino estaria escondido em uma casa, no Centro de Nova Lídice.

Os policiais realizaram a diligência no endereço informado e prenderam o acusado. O Jackson foi conduzido para a Delegacia Territorial de Medeiros Neto, onde foi autuado em flagrante pelo delegado titular, William Telles, por crime de homicídio, com base no Art. 121 do Código Penal. Segundo relatos, momentos antes do crime, Anderson teria discutido e batido em Jackson. Horas depois, percebendo a ausência de Anderson, uma testemunha foi até o casebre onde ele morava e constatou que o mesmo estava morto.

A vítima era alcoólatra e usuário de drogas, e havia desaparecido de Teixeira de Freitas, onde morava e estava vivendo em um casebre às margens do Rio Itanhém, no distrito de Nova Lídice. Ainda segundo informações, o autor teria dito anteriormente que Anderson (a vítima) estava em sua lista. Testemunhas informaram que o Jakson já foi preso por roubo em uma fazenda da região e vivia aterrorizando a comunidade, ostentando o fato de já ter matado outras pessoas. O acusado segue preso à disposição da Justiça.

Photo Jornalismo/Com informações de Edvaldo Alves

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.