Header Ads

Segundo homicídio: "Cacitia" é esfaqueada até na morte em terreno baldio no Redenção

Teixeira de Freitas: A Polícia registra o segundo homicídio na noite deste último sábado (16), o fato aconteceu no Bairro Redenção, na Rua Aurélio Viana, por volta das 23h30, quando a Central da 87ª CIPM/CICOM foi informada por populares que uma pessoa teria sido vítima de homicídio dentro de um terreno, onde existe uma fábrica de blocos de cimento. Uma guarnição foi deslocada para o local, confirmando tal fato. A vítima foi identificada como sendo, Cacitia Pereira dos Santos, de 31 anos de idade, moradora do Bairro Bela Vista.

A vítima foi assassinada com uma arma branca, sendo um instrumento pérfuro-cortante tipo “faca”, que não foi encontrado no local do crime. A mulher foi encontrada com aproximadamente 19 perfurações no seu corpo, entre a região do abdômen, pescoço, e no rosto. Segundo moradores das proximidades, ninguém ouviu, e nem viu nada. Pessoas que passavam na frente do terreno, viram o corpo da vítima e após perceber que estava morta, chamaram a Polícia Militar.

A vítima teria comparecido na Delegacia de Polícia no meio da manhã deste sábado, para saber notícias do seu companheiro atual, que foi identificado como Saulo Conceição de Jesus, que teria sido preso na última terça-feira (12), por agressão física para com a mesma, quando foi denunciado, preso, e flagranteado na Lei Maria da Penha. Foi quando ao ser consultado o seu nome no sistema integrado de informações da Justiça, foi encontrado um mandado de prisão em seu desfavor, pela acusação de Latrocínio (roubo seguindo de morte), no Estado do Espírito Santo.

O delegado de plantão, Júlio Telles, foi informado do ocorrido, e compareceu no local com o Investigador Rodrigo, e uma equipe do Departamento de Polícia Técnica para realizar os trabalhos de praxe. O agente público Joásio removeu o corpo para o IML, onde irá passar por necropsia, na manhã deste domingo (17), sendo liberado posteriormente para os familiares. Foi aberto um inquérito para apurar a motivação do crime e sua autoria.

As informações serão encaminhadas, juntamente com o inquérito, para o “Núcleo de Homicídio, e Tráfico – N.H.T” da 8ª COORPIN, sob a responsabilidade do delegado Manoel Andreeta, que deverá dar continuidade às investigações.

Photo Jornalismo / Com informações do Liberdadenews

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.