Header Ads

Três criminosos morrem em confronto com o PETO da 88ª CIPM de Alcobaça

Alcobaça: Policiais do PETO da 88ª CIPM da cidade de Alcobaça receberam informações na manhã desta quarta-feira (18), de que três suspeitos estariam andando armados nos Bairros Beija-flor, e Palmeiras, e de forma intimidatória, querendo demostrar força e poder, ao grupo de “Sachá”, que vem disputando o espaço do tráfico de drogas, com o Grupo do “Juninho Bajon”, na referida cidade, sendo os mesmos também suspeitos de alguns homicídios de membros rivais.

Os militares, em posse da informação de que os suspeitos estariam em uma residência na Rua Independente, no Bairro Palmeiras, pediram apoio a uma guarnição da CIPE/CAEMA, que estava na área fazendo ronda ostensiva para averiguação das informações. Ao chegarem no referido endereço, foi feito um cerco pelos PMs, que antes de adentrarem na residência, os policiais se identificaram, sendo recebidos com disparos de arma de fogo pelos criminosos.

Os militares responderam à injusta agressão e quando cessou os disparos, os policiais entraram, sendo encontrado três suspeitos atingidos. O trio foi socorrido para a Unidade Hospitalar da cidade, quando foi confirmado óbito dos três suspeitos, sendo identificados apenas dois dos suspeitos: Olavo Gomes Rocha, 19 anos de idade e João Luiz Oliveira de Souza vulgo "Tink Wink", 26 anos de idade. O terceiro suspeito, até o fechamento desta reportagem, não havia sido identificado.

Com eles foram apreendidos três armas de fogo, sendo, um revólver de marca Taurus com numeração suprimida calibre .32, com 05 munições, sendo três picotadas; um revólver de marca Taurus de calibre 38, com 06 cartuchos, sendo 04 deflagrados e 02 intactos; uma pistola modelo PT, calibre 9mm, e mais 24 cartuchos do mesmo calibre; uma porção de uma substância tipo cocaína, pesando aproximadamente 31 gramas, e mais 34 papelotes da mesma substancia; além de uma pequena barra de uma substância tipo maconha, pesando aproximadamente 168 gramas.

Todos os materiais foram apresentados para o delegado de plantão na sede da 8ª COORPIN, Júlio Telles, que ouviu os policiais envolvidos na diligência, e autorizou a remoção dos corpos para o IML, que após a necropsia, eles ficarão à disposição dos familiares para realização dos procedimentos de praxe.

Photo Jornalismo/Com informações de Cloves Neto

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.