Header Ads

Polícia Civil esclarece mais um homicídio atribuído a “Beto Carroceiro”


A Polícia Civil de Teixeira de Freitas acaba de informar a conclusão e remessa à justiça do inquérito policial que investigou o homicídio de Ademilson Silva Bernardo, o “Jiboia”, crime ocorrido às 14h30 de 30 de abril de 2015 quando a vítima estava em seu mercadinho na rua Ibiraji, nº 166, bairro Luís Eduardo Magalhães e foi executada com 14 disparos de pistola 9mm.

As investigações apontaram Roberto Ribeiro dos Santos, o “ Beto Carroceiro” como o executor dos tiros que mataram Ademilson e Maria Bernarda da Silva Gomes, sogra de Beto, como a mandante do crime. A arma utilizada no homicídio foi apreendida com “Beto Carroceiro” em 20/05/2015 e, após passar por exame de microcomparação balística no Departamento de Polícia Técnica (DPT), confirmando sua utilização no homicídio de Ademilson.

“Beto Carroceiro” e a sogra dele estão presos

Roberto Ribeiro dos Santos e sua sogra Maria Bernarda da Silva Gomes, segundo a polícia, fazem parte de um grupo de traficantes de drogas com atuação nos bairros Tancredo Neves, São Lourenço e Cidade de Deus. Os dois já se encontram presos e são investigados por participação em vários outros homicídios ocorridos na cidade desde 2015, alguns desses crimes na condição de executores, outros como mandantes. 

Photo Jornalismo/Da redação do TN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.