Header Ads

Presidente PSL/Nacional se reúne com Professora Dayane e articularam estratégias para PSL/Bahia

A Professora Dayane Pimentel, Presidente PSL Bahia se reuniu essa quinta-feira (8) com o Presidente Nacional do partido, Luciano Bivar e o Vice-Presidente, Julian Lemos. Na oportunidade, articularam estratégias de crescimento e reforçaram a responsabilidade de suas atribuições.
A Professora Dayane, no comando da sigla PSL na Bahia continuará conduzindo o partido. A sua equipe retrata as falas da Presidente PSL Bahia, Professora Dayane Pimentel:

Quais são os direcionamentos do PSL na Bahia?


“Nosso partido é uma casa que abrigará todas as pessoas de bem que acreditam em nosso projeto culturalmente conservador e econômico liberal, pois essas duas vertentes trarão o equilíbrio que nossa sociedade precisa para alcançar qualidade de vida e portanto dignidade. Nosso partido tem o objetivo de ingressar o cidadão comum na política e faremos isso junto às lideranças políticas que se sentirem confortáveis e lutem por nossas bandeiras. A experiência de lideranças do bem complementará a renovação que é uma de nossas marcas.”

Sobre as especulações que rondam a cerca da presidência do partido e o sentimento de figurões da política baiana ou de ex candidatos afirmarem que estarão à frente do partido, o que a senhora nos traz?
“Tudo continua como está, não teria porque ser diferente. Esse é o partido do Presidente Bolsonaro e eu sou sua representante política em nosso estado. As especulações fazem parte do meio político de quem está a serviço do jogo da ilusão. Não é o meu perfil, meu trabalho é baseado em fatos e em verdades, esse é o cuidado que pessoas responsáveis devem ter. Reafirmo minha posição como Presidente PSL Bahia ao lado do nosso Presidente PSL Nacional Luciano Bivar e nosso Vice-Presidente Julian Lemos e estou à disposição de quem quiser nos ajudar. Vamos crescer!”

Como será com aqueles que desejam caminhar com o partido de Bolsonaro?


“Terei grande satisfação em dialogar com as pessoas que querem contribuir, inclusive estarei em pessoa convidando pessoas que acredito que acrescentarão positivamente em nosso partido. Em relação àqueles que, em um lapso de descuido de raciocínio, acreditaram em uma mudança de gestão, ressalto que também terão espaço, desde que entendam que a harmonia e o respeito à hierarquia são imprescindíveis, pois não colocaremos nossa credibilidade em risco para favorecer o ego de ninguém. Chega de bagunça na política desde os bastidores até os serviços públicos.”

Sobre a base do partido que lhe auxiliou na campanha e na eleição de Bolsonaro, como ficará?
“Nossa militância, que luta conosco há anos, que foi a base do PSL Bahia tem espaço cativo. Temos lideranças em muitas cidades baianas que irão presidir o partido em seus municípios. Sob minha administração, vamos honrar a nossa essência que é o cidadão comum. Nas cidades que já temos essas lideranças, aqueles que quiserem compor basta procurar esses líderes, estamos com as portas abertas e buscando pessoas de bem e comprometidas. Nas cidades quais ainda não temos nomes, já estamos dialogando e buscando estabelecer lideranças.”

Sobre as eleições de 2020, como o PSL pensa se posicionar?


“Faremos o possível para ocupar os espaços na Bahia, queremos fazer muitos vereadores e prefeitos, precisamos combater a esquerda no estado e garantir que a polarização PT versus DEM não seja o único cenário político. Vamos continuar desenvolvendo outra alternativa na política para o cidadão baiano. O PSL tem papel fundamental nisso.”

Quando o PSL Bahia estará apto para discutir as eleições municipais de 2020 e oferecer informações para os interessados?
“A partir do ano que vem estaremos com a estrutura necessária para atender da melhor forma a todos aqueles que desejam caminhar conosco.”

Photo Jornalismo/Por: ASCOM

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.