Header Ads

Delegado atira em homem que tentou lhe agredir com facão

Delegado colhia depoimento de mulher que acusava agressor


Facão apreendido com homem que tentou cortar delegado em Arraial d'Ajuda / 
Foto: RADAR 64 

EUNÁPOLIS - Um delegado da Polícia Civil informou que precisou atirar em um homem que ameaçava lhe matar com um facão. O incidente ocorreu na tarde de domingo (27), em frente ao prédio da 2ª Delegacia Territorial, no distrito de Arraial d'Ajuda, município de Porto Seguro.

O delegado Bruno Barreto contou que estava ouvindo o depoimento de uma mulher que acusava o patrão de agressão. Durante o procedimento, os policiais constataram que o empregador estava do lado de fora da delegacia, portando um facão. Muito agitado, ele ameaçava as pessoas que passavam pela rua.

Ao sair para verificar a situação, o delegado afirmou que deu voz de 'polícia' e pediu para o homem largar a arma. "Mas ele partiu para me atacar. Repelindo a injusta agressão, efetuei um tiro, que o atingiu no braço", descreve Barreto.

Mateus Ferraz de Oliveira, de 34 anos, foi socorrido ao hospital para receber cuidados médicos. Ele está fora de risco.

A polícia informou que consta em seus bancos de dados que, no ano de 2014, Mateus foi detido por agressão a idosos. "Há menção que ele sofra de distúrbios psiquiátricos", disse o delegado.

Photo Jornalismo/Com informações do Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.