Header Ads

"Rozildo" confessa que matou " Rosenilda" ao ser preso em Itabela


Em depoimento, Rozildo declarou que só queria se defender e que crime foi fatalidade / 
Foto: RADAR 64 

ITABELA - O homem acusado de matar a mulher foi preso no início da noite de sábado (12), em Itabela, depois de uma denúncia anônima. o trabalhador Rozildo Andrade de Souza, 45 anos, foi localizado na casa de um pastor, no bairro Jaqueira. Segundo a Polícia Militar, ele tentava conseguir dinheiro para fugir da cidade.

Atingida por um golpe de faca de serra no lado esquerdo do peito, Rosenilda da Silva Araújo, 38 anos, ainda correu para a casa de um vizinho em busca de socorro. Segundo testemunhas, ela estava sem ar e afirmava que havia sido ferida pelo marido. Logo em seguida, a vítima caiu em um sofá e morreu.

No depoimento que prestou no plantão central da Polícia Civil, em Eunápolis, Rozildo declarou que a mulher iniciou uma confusão logo que ficou sabendo que ele iria fazer uma viagem. Ele afirmou ainda que a companheira teve uma crise de ciúmes, lhe deu uma tapa no rosto e, em seguida, pegou uma faca na cozinha.

"Tomei a faca da mão dela. Só queria me defender, mas acabei acertando ela. Foi uma fatalidade", declarou Rozildo, acrescentando que o casal havia consumido bebida alcóolica no almoço.

Crime foi no bairro Ouro Vdrde, em Itabela / 
Foto: RADAR 64 

O delegado Eridelson Bastos lavrou um auto de prisão em flagrante por feminicídio, pois, segundo ele, foi um crime qualificado, tendo como motivação o ódio contra a mulher, por razão de gênero.

O casal se conheceu em Linhares, no Espírito Santo, há três anos. 12 meses depois, os dois se mudaram para o bairro Ouro Verde, em Itabela.

Rozildo contou que é trabalhador rural e que possui cinco filhos, de outro relacionamento. Dois deles são adolescentes e moram com a mãe no Espírito Santo.

Photo Jornalismo / Com informações do Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.