Header Ads

"João Gatão" é executado a tiros no interior do Mercado Municipal de Itanhém


Itanhém: Um homem foi executado a tiros em um estabelecimento comercial, no interior do Mercado Municipal da cidade de Itanhém, situado na Avenida Sady Teixeira, no Bairro São João, na noite da última quinta-feira, 26 de setembro. Segundo informações, dois homens teriam chegado em uma motocicleta, identificada apenas pela cor branca, adentraram no interior o bar, ordenando para que o proprietário se afastasse, e atiraram várias vezes contra a vítima, que foi identificado como, João Alves Mansão, vulgo "João Gatão", de 39 anos, o qual não teve como reagir ou se defender da ação criminosa.

A Polícia Militar foi acionada através da Central do CICOM/190, e designou uma guarnição da Polícia Militar para o local, e uma unidade do SAMU, que constatou o óbito da vítima, que foi atingida por 03 tiros nas costas, 01 próximo ao olho e 01 na cabeça. A delegada de plantão na Sede da 8ª COORPIN, Andressa Carvalho, foi comunicada do ocorrido, e solicitou a remoção do corpo para o IML de Teixeira de Freitas, onde passará por necropsia nesta sexta-feira (27), sendo liberado posteriormente aos familiares.

João Gatão foi preso por policiais militares, no final do ano passado, por acusação de tráfico de drogas, juntamente com outros dois comparsas, com quase meio quilo de drogas, entre cocaína e maconha. Informações dão conta ainda, que no período em que João ficou preso no Conjunto Penal - CPTF, em Teixeira de Freitas, ele teria mudado de grupo, passando a traficar para o grupo rival, que disputa o território do tráfico em Itanhém, após estar em liberdade condicional, o que leva a crer que está atitude, está relacionada ao crime.

Um inquérito policial foi instaurado para apuração da motivação e possível identificação dos autores, que será presidido pelo delegado substituto do município, Willian Telles.

PHOTO JORNALISMO / Por: Cloves Neto/Liberdadenews

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.