Header Ads

Criminoso teixeirense é executado a tiros após emboscada em São Mateus/ES

São Mateus: Um presidiário de Teixeira de Freitas, que passou para o regime aberto há aproximadamente dois meses, foi executado a tiros na cidade de São Mateus/ES, nesta quinta-feira, 28 de novembro, por volta das 14h00. Trata-se de Walas de Jesus Ferreira, o “Walinha”, 24 anos de idade, que segundo informações da Polícia Civil, era um criminoso de alta periculosidade, integrante do Grupo de Jacó, liderado por Jackson Aguilar e Valdo Bentinho da Silva.

Segundo informações, o Walas teria sido morto em uma emboscada, próximo à casa onde ele estava ficando em São Mateus. Há informações ainda de que ele possa ter sido executado por integrantes do Grupo do Gueto e Beto Carroceiro naquela cidade, de forma a dificultar as investigações sobre este crime, já que as investigações ficariam a cargo da Polícia Civil daquele estado. Segundo a polícia, Walas vinha sendo investigado por alguns homicídios recentes em Medeiros Neto.

PHOTO JORNALISMO / Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.