Header Ads

Decretada prisão de "Jussiê" motorista acusado de estuprar filha de sete anos

Abusos aconteciam há mais de um ano, quando a menina visitava o pai


Jussiê Silva Nery Tolentini, 35 anos, já teve a prisão decretada pela justiça / 

Foto: Reprodução 


PORTO SEGURO - A polícia de Porto Seguro procura por um homem acusado de estuprar a própria filha de sete anos. Jussiê Silva Nery Tolentini, 35 anos, já teve a prisão decretada pela juíza Michelle Quadros, da 2ª Vara Criminal, na sexta-feira (1º).

Responsável pela investigação, a delegada Camila Kruschewsky, da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), informou ao RADAR 64 que a criança morava com a mãe, mas visitava o pai a cada 15 dias. Os abusos sexuais aconteciam durante esses períodos.

O último estupro teria ocorrido na casa de Jussiê, que fica no bairro Vila Valdete, no último dia 27 de outubro. A menina teria relatado à mãe que o pai estava acariciando seus órgãos genitais.

Conforme a informação, o pai ameaçava a filha dizendo que se ela contasse sobre os abusos, nunca mais iria ver o irmão, que é fruto do casamento dele com a atual mulher. Os pais da menina estão separados há cerca de quatro anos.

Jussiê, que é motorista de lotação, tem duas passagens pela polícia por violência doméstica contra a mãe da menina.

PHOTO JORNALISMO / Fonte: Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.