Header Ads

Bebê levado por assassinos da mãe já está com os avós

Polícia ainda não deu detalhes de como a criança foi localizada


Bebê que estava desaparecido foi entregue aos avós maternos / 
Foto: RADAR 64 

PORTO SEGURO
- O bebê de dois meses, filho de Silvia Letícia Araújo Queiroz, de 26 anos, que foi assassinada dentro de casa no bairro Arnaldão, em Eunápolis, no sábado (04), já está sob a guarda dos avós maternos. A criança foi entregue aos familiares - que moram no município de Porto Seguro, no início da noite de segunda-feira (06). No dia do crime, a criança, que morava com a mãe, não foi encontrada no local. A polícia ainda não deu detalhes de como o menino foi localizado.

O avô da criança disse ao RADAR 64 que foi comunicado pela polícia sobre o aparecimento do menino. “A polícia me ligou e disse para eu buscar o bebê na delegacia de Eunápolis, mas não deu detalhes de como ele foi encontrado. Ele já comeu, tomou banho, dormiu, está muito bem”, disse.

Ainda segundo a informação, a família ficou aflita durante o período em que a criança estava desaparecida. “A gente ficou numa situação difícil, não tinha certeza se ele estava vivo, ou se tinham feito alguma maldade com ele. Já perdemos minha filha, ficamos com uma dor muito grande no coração, mas pelo menos a criança apareceu”, acrescentou o avô.

Letícia foi encontrada morta dentro da casa onde morava; filho dela foi levando pelos bandidos / 
Foto: Gustavo Moreira / RADAR 64 

Os avós também já cuidavam do filho mais velho de Silvia Letícia, que tem oito anos. "Estamos com ele desde que nasceu, agora vamos cuidar dos dois", finalizou.

INVESTIGAÇÃO - A reportagem entrou em contato com o delegado Bernardo Pacheco, responsável pelas investigações, que informou que ainda não pode dar mais detalhes sobre o resgate do bebê e quem são os suspeitos para não prejudicar as investigações.

O delegado disse ainda que o bebê está sob a guarda dos avós maternos, pois eles são os parentes mais próximos, já que o pai da criança está preso.


PHOTO JORNALISMO / Fonte: Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.