Header Ads

Polícia Civil intensifica investigações para prender matador da cigana de 22 anos: Ex-marido é suspeito


Sabrina Alves da Silva, de 22 anos, foi morta em Jacinto — Foto: Redes Sociais/Reprodução

Vítima foi morta a tiros no Centro da cidade. Dois suspeitos foram presos na tarde desta quinta-feira (7).
Uma cigana de 22 anos foi morta a tiros nessa quarta-feira (6), no Centro da cidade de Jacinto. De acordo com a Polícia Militar, uma denúncia anônima informou que uma mulher havia sido atingida por disparos de arma de fogo.

Ao chegarem no local, militares encontraram Sabrina Alves da Silva já sem vida, atingida por tiros nas costas, cabeça e na região do ombro.

Ainda de acordo com a PM, dois homens chegaram de bicicleta e efetuaram disparos contra a vítima. Os militares ainda ressaltaram que o possível mandante do crime, seria o ex-marido dela.

A jovem é da cidade de Itamaraju (BA) e estava morando em Jacinto há cerca de seis meses, após um desentendimento com o ex-marido, que não aceitava o fim do relacionamento. Os militares ainda contaram que ele teria descoberto uma suposta traição da mulher e, por vingança, chegou a cortar uma das orelhas da vítima e fazer ameaças de morte.

A Polícia Militar informou ainda que dois suspeitos foram presos na tarde desta quinta-feira (7), em Almenara, e que continuam com as buscas para a localização do suposto mandante do crime. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Almenara.


PHOTO JORNALISMO /Por Alice Mourão, G1 Vales de Minas Gerais

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.