Header Ads

Vereador é preso com caminhonete roubada; ele disse que comprou na internet


Um vereador de Itapebi foi preso com uma caminhonete roubada, na tarde de segunda-feira (20), na BR-101. Cristiano Pereira da Silva (PRTB), 38 anos, foi abordado porque a Polícia Rodoviária Federal o flagrou realizando uma ultrapassagem proibida no trecho do vizinho município de Itagimirim.

Com técnicas de análise criminal, os agentes da PRF descobriram que, depois de roubada, a Chevrolet / S10 teve os sinais identificadores adulterados e depois foi clonada.

Segundo a polícia, o veículo foi licenciado originalmente na cidade de Vila Velha (ES). Após ser roubado, em dezembro de 2019, o carro passou a utilizar placas de outra caminhonete idêntica, de Iaçu (BA).

Questionado, o vereador afirmou que adquiriu a caminhonete mediante negociação em um site de compra e venda da internet. Ele declarou ainda que pagou R$ 50 mil e retirou o carro há cerca de uma semana em Feira de Santana.

O vereador prestou depoimento na Central de Flagrantes da Polícia Civil, em Eunápolis e foi autuado por receptação dolosa - quando há intenção. Foi arbitrada fiança no valor de R$ 1 mil e ele vai responder o processo em liberdade. A caminhonete ficou apreendida e vai passar por perícia.

DISCUSSÃO E TIROS


Não é a primeira vez que o vereador Cristiano Pereira da Silva se envolve em uma ocorrência policial. Em agosto do ano passado, durante uma discussão com a mulher, ele atirou cinco vezes para o alto. Uma das balas atingiu o teto da casa, ricochetou e acabou ferindo a perna do filho de 12 anos do casal. O vereador fugiu do local e só se apresentou à polícia alguns dias depois.

PHOTO JORNALISMO /Fonte: Radar64

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.