Header Ads

Acusado de matar criança de 02 anos no ES morre em confronto com militares da CAEMA e RONDESP


Teixeira de Freitas: A troca de tiros aconteceu por volta das 20h30, desta sexta-feira, 08 de janeiro, na Rua Luiz Carlos Prestes, no Bairro Colina Verde. Segundo os militares, após receber informações que um foragido da justiça do Espírito Santo estaria escondido no referido endereço, as guarnições da CAEMA e RONDESP se deslocaram para o local, no intuito de confirmar a veracidade dos fatos.

Chegando no endereço, foi realizando o cerco e quando o criminoso avistou os militares, ele evadiu-se para o andar superior e tomou posse de uma arma de fogo, tipo submetralhadora, desferindo vários disparos contra a guarnição. Os militares precisaram revidar a injusta agressão, com o objetivo de cessar os disparos. Na sequência, os militares avistaram o criminoso que foi atingido e caiu ferido.

Os policiais, de imediato, prestaram socorro ao resistente para o HMTF, sendo necessário o uso de algemas, haja vista que o criminoso encontrava-se debatendo ao solo, o que dificultava a prestação de socorro. Pouco tempo depois de dar entrada no HMTF, o médico plantonista atestou o óbito. O criminoso foi identificado como sendo, Ulisses Costa de Araújo, 31 anos. Segundo a polícia, o Ulisses estava usando documentos falsos.

Segundo a polícia, contra o Ulisses havia um mandado de prisão em aberto por crime de tráfico drogas, expedido pela 8ª Vara Criminal de Vila Velha/ES. Ainda sobre o Ulisses, pesa a acusação de um duplo homicídio na cidade de Linhares/ES. Segundo as investigações da Polícia Capixaba, o alvo era uma mulher de 45 anos, mas após os disparos, uma criança de 02 anos (vizinha do alvo) foi atinginda e morreu.

Com o Ulisses, os militares apreenderam 01; submetralhadora artesanal; 04 munições intactas; 01 munição picotada; 02 aparelhos celulares. O corpo será removido do HMTF para o Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas. Após exames, o corpo será liberado aos familiares para sepultamento. Um Inquérito Policial Militar será instaurado para investigar as circunstâncias dos fatos. As armas serão periciadas.

PHOTO JORNALISMO / Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.